Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


JOHNNY SEM DENTE & OS JATFODO + Dumbowax
Reservas: seteoitocinco@gmail.com

A Seteoitocinco regressa em 2020 a 31 de Janeiro e traz consigo o paradoxo do tempo. Para abertura do ano a organização decidiu untar o fenómeno da ressurreição e fazer disso parelha com a tenência de um recém-nascido. Para melhor exame sobre esta frase, vai-se tornar fácil de explicar se espreitarmos a essência de cada projecto.

Anunciado o seu fim em 2014, os JOHNNY SEM DENTE & OS JATFODO com a tutela da Honeysound e com a diferença de um ano, editaram os seus dois registos pela principal casa que fez de Barcelos uma Cidade singular e paranormal para a cultura da música em Portugal. Entre 2010 e 2014, foram também eles, uma parcela mais que importante para a chegada de maiores voos a projectos como os La La la Ressonance, Black Bombaim, The Glockenwise ou os Aspen. Proclamaram o seu próprio funeral e levitaram para os anjos um espaço reservado no céu. Mas a vida tem sempre fórmulas distorcidas de clarificar o fim às coisas e, como tal, a banda continua refém sobre os seus demónios para vampirizar o mundo dos vivos, porque é com enorme orgulho que a Seteoitocinco participa neste ressuscitado regresso. Vamos celebrar o espectáculo de um projecto que soma 10 anos de intenso experimentalismo, recheado de afiadas estrofes, sons sónicos e bem urbanos de arte pura e imprópria.

www.johnnysemdente.bandcamp.com

Para a abertura do nosso evento nº 1 do ano, vão poder assistir ao duo que, por exemplo, há dois anos ainda nem existia. Esta aventura tão nova dos Dumbowax estreava-se ao vivo no final de 2018 e, em Maio do ano transacto, editavam o seu primeiro registo 'No Safeword'. Um conjunto de 7 temas bastante aberto e plano na ideologia para critérios sobre géneros. É inegável que há alma rock a rolar intensidade em todos os seus pronúncios, mas Dumbowax também é atitude e peito aberto a balas. Há uma certa candura num projecto duo, pois são duas cabeças e 8 membros a desfiar um furacão de ideias, é como andar numa locomotiva sem travões a ultrapassar paragens atrás de paragens. A música tem fenómenos assim. Música a dois em assimetria com as orquestrais tarefas que uma sinfonia tanto limita, é como enfrentar a liberdade de um cometa.

www.dumbowax.bandcamp.com

 

Autoria e outros dados (tags, etc)