Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



 

HSPR032 » CAVALHEIRO - FARSAS
O novo EP, gravado em Viana do Castelo, nos AMP Studios.
"Cavalheiro é um autor de canções de amor e ódio, como Cohen. Das melhores. Como o canadiano, também se olhou ao espelho e perguntou-se: "chegaste a isto?". E disse-o em disco, duas vezes. Em Farsas, Cavalheiro, que nem gosta de Cohen, já sabe que o amor nos chama pelo nome próprio e trata de o chamar pelo diminutivo. Mal abre, "Lado de Lá" dá-nos 'inhos' e 'carinhos' para explicar que uma relação vai "começar a acabar". Parece certo como o destino hebraico no repertório de Cohen, mas há guitarras cintilantes, um ritmo relaxado e coros de fundo, numa mole mais próxima dos Beach Boys por via dos Pavement. Uma verve pop subterrânea que continua em "Milhões", na observação social crua, diria hostil, a pseudo femme fatales (herdeira de "Hardcore – 1º Escalão" como negativo de "A Rapariguinha do Shopping") e continua no confronto de "Nós", manta curta de baixo sincopado e ritmos circulares disco-vaudeville em risco de destapar a desilusão do amor (vide Variações, Pop Dell'Arte…). O rock, razão de ser e omnipresença em Cavalheiro, sobressai em "Espiral" (como a força da banda que agora o acompanha). Uma tensa mini-suite guitarreira em ascensão e queda controlada para um coração destroço.
No Coração das Trevas, diz Marlow: "Não quero maçar-vos muito com a minha experiência pessoal". Depois, Joseph Conrad, fá-lo-á narrar a subida a esse "extremo da zona navegável", ponto mais sombrio no interior de um continente, de onde "apesar disso, parecia irradiar uma espécie de luz." Levou-lhe cerca de cem páginas para marcar a cultura universal. Cavalheiro também não nos quer maçar com as trevas do seu coração. Edita em Farsas apenas quatro rasgos da sua viagem. Mas está mais do que provado que tem uma viagem para contar e que como Marlow, ou Conrad, ou Cohen ou tantos outros tão grandes, sabe contá-la a peito. Só resta que a sua marca fique na cultura musical portuguesa. Pelo Menos." - Eduardo Sardinha
 
www.cavalheiro.pt.to
www.myspace.com/musicacavalheiro

 

Autoria e outros dados (tags, etc)